Home / Edições PME / Crio, logo existo
crio criatividade inovação

Crio, logo existo

Portugal encontra-se, no Painel Europeu da Inovação 2019, entre os inovadores moderados, o terceiro de quatro grupos definidos pelo estudo (Líderes de Inovação, Fortes Inovadores, Inovadores Moderados e Inovadores Modestos). Isto em comparação com os outros países da União Europeia.

Apesar de haver melhorias face a 2011, continuamos na moderação que é tão característica do povo português: nem tanto acima que possa estragar, nem tão abaixo que nada se faça.

É importante ter em conta estes dados, pois há um caminho que urge escolher: ou é tomada uma atitude rumo à inovação e ao impulsionamento de novos negócios, ou muitos correm o risco de acabar no curto prazo.

Na Renova, inovação e criatividade são palavras de ordem de um engenheiro físico que queria seguir carreira académica, mas encontrou nesta marca de papel higiénico um propósito de vida. Hoje, a Renova é mais do que isso, reconhecida internacionalmente e percecionada como uma marca relevante no seu mercado e, além disso, surpreendente. É isso que nos conta o CEO, Paulo Pereira da Silva, numa entrevista em que desvenda alguns dos segredos do sucesso da empresa.

Em ano de Jogos Olímpicos no Japão, fomos saber porque é que a economia nipónica é uma boa aposta para as exportações portuguesas e fomos conhecer as empresas lusas que apostaram no networking da 14.ª edição do Portugal Exportador.

Falamos de novos negócios, plenos de criatividade, como a Ecopac, a Vinhos Imperfeitos e outros de grande responsabilidade social como a OrCam Technologies.

Quisemos saber como comunicam as instituições de solidariedade social e que apoios ao investimento dá o IAPMEI às empresas.

Tudo, porque achamos que só com apoio poderá haver mais empresas inovadoras e criativas e a colocar Portugal um passo mais à frente.

Boas leituras e um excelente 2020!

Ana Rita Justo – Editora