Home / Destaques / Número de colocados nos politécnicos cresce acima da média nacional
Foto: Divulgação

Número de colocados nos politécnicos cresce acima da média nacional

Por: Mariana Barros Cardoso

Foram conhecidos os resultados das candidaturas ao ensino superior relativamente à primeira fase de concurso nacional. Evidenciou-se o facto do número de alunos colocados nos politécnicos ter crescido acima da média nacional, com cerca de 1,2% desde 2015.

O Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP) aproveita para realçar pontos importantes nomeadamente para quem ingressa este ano. O crescimento do número de estudantes colocados no ensino superior politécnico é de 1,9% comparativamente ao total nacional de 1,2%. O número de colocados nas regiões com tendência demográfica negativa tem-se vindo a consolidar nos últimos anos, num crescimento de 13%, revelando assim, uma aposta ganha no que respeita à democratizadora do ensino superior em todas as regiões do país.

É de reforçar também que a capacidade do país para responder aos desafios da digitalização da economia e da sociedade com o crescimento do número de colocados nas áreas das competências digitais, o crescimento do  número de colocados na formação de professores e ainda, um crescimento bastante notório no número de estudantes internacionais que se revela da atratividade e credibilidade que o sistema do ensino superior português conquistou.

O CCISP (Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos) acredita ainda que é possível e que se deve ir mais longe, com mais ambição e com uma visão ancorada no lema: Ensino Superior para todos. – Palavras de Pedro Dominguinhos, na qualidade de presidente do CCISP e do Instituto Politécnico de Setúbal.