Home / Empresas / Portugal sai da “lista verde” inglesa
Portugal Reino Unido lista verde lista amarela turismo pandemia covid-19
Portugal passa a integrar a "lista amarela" a partir da próxima terça-feira, dia 8 de junho (Foto: Pexels)

Portugal sai da “lista verde” inglesa

Foi confirmada a saída de Portugal da “lista verde” britânica. A Confederação do Turismo considera esta saída “desastrosa” e espera-se grandes impactos nas reservas turísticas.

A Confederação do Turismo de Portugal (CTP) já se fez ouvir e, considerou a decisão do Reino Unido de retirar Portugal da “lista verde” como “desastrosa”. Rapidamente se levantou preocupação com esta saída e, especialmente, com os impactos económicos que esta decisão vai gerar.

Em comunicado, a CTP afirmou que “esta é uma notícia muito preocupante e penalizadora, não só para o turismo, mas também para a economia nacional, já que estamos a falar da principal atividade exportadora do país”.

O presidente da CTP, Francisco Calheiro, diz que “o impacto nas reservas, sobretudo no Algarve, será gigantesco, numa fase em que as empresas se preparavam para um aumento da procura turística com reforço da oferta e de recursos humanos”, reiterando que “todo esse investimento será perdido”.

Desta forma, Portugal, incluindo os arquipélagos da Madeira e Açores, passa a integrar a “lista amarela” a partir da próxima terça-feira, dia 8 de junho, às 4h00. Os turistas ingleses que viagem para países desta lista ficam sujeitos a uma quarentena de dez dias na chegada ao Reino Unido e terão de fazer dois testes PCR, nos segundo e oitavo dias.