Home / Empresas / Aprovado prolongamento do lay-off simplificado para julho
trabalhadores com apoios prolongamento do lay-off simplificado apoios às empresas medidas do governo

Aprovado prolongamento do lay-off simplificado para julho

O Conselho de Ministros aprovou, esta quinta-feira, o prolongamento do lay-off simplificado para julho.

O anúncio foi feito pela ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, adiantando que esta medida “já abrangeu a capacidade de pagamento a 105 mil empresas, cerca de 850 mil trabalhadores, com um montante pago de 580 milhões de euros”.

Foi, também, aprovada a “possibilidade de recurso ao lay-off simplificado de empresas que se mantenham encerradas por razões de ordem sanitária”,

O Conselho de Ministros aprovou, ainda, o “o novo instrumento de complemento de estabilização a pagar em julho aos trabalhadores que tenham um rendimento até dois salários mínimos por mês, que tenham estado em lay-off e que tenham tido perda de rendimento”.

O complemento será pago durante o mês de julho.

A governante adiantou que foi regulado o “instrumento à normalização da atividade para empresas que deixem de estar em lay-off simplificado”, um apoio financeiro que irá, referiu Ana Mendes Godinho, “reforçar a liquidez das empresas”.