Home / OPINIÃO / Dicas para o planeamento financeiro da sua empresa
planeamento financeiro
Carina Meireles, especialista em finanças pessoais (Foto: Divulgação)

Dicas para o planeamento financeiro da sua empresa

Por: Carina Meireles, especialista em finanças pessoais

Vamos começar este novo ano a organizar não só a nossa vida financeira pessoal, mas também a empresarial.

Uma tarefa importante a ser definida logo no início do ano passa por ter uma boa gestão das suas finanças, de forma a que o negócio seja conduzido para o sucesso.

O planeamento deve ser colocado no topo das prioridades, para que comece o ano com a casa arrumada, no que toca ao seu negócio.

Para um melhor controlo, é necessário um acompanhamento cirúrgico à saúde financeira da sua empresa, do seu negócio, sendo necessário a criação de objetivos, com metas e estratégias muito bem definidas.

Aqui ficam algumas dicas para que seja um planeamento mais direcionado para o que verdadeiramente interessa.

1 – Adote medidas para reduzir custos

Pode começar pelos Bancos, que representam uma fatia significativa nos gastos também das empresas e de todos os negócios. Negoceie taxas de juros com o seu Banco, nas operações que possa ter de financiamentos a decorrer. Começa logo o ano novo com um encaixe de dinheiro que poderá fazer a diferença para outras despesas que possa eventualmente ter. Não poupe nos custos para gastar de outra forma, aproveite e crie um Fundo de Maneio para evitar que seja necessário recorrer novamente à banca.

2 – Diversifique as formas de investimento

Diversifique no tempo e de acordo com o valor que pretende investir. Não crie só objetivos de médio longo prazo, pense também no presente e em novas formas de colocar o seu negócio a rentabilizar mais com pouco investimento.

3 – Sabe se está com gastos supérfluos no seu negócio?

Então a primeira coisa a fazer é um acompanhamento mais direto onde gasta o dinheiro e de onde este vem, para que possa criar estratégias de mudança e organizar as suas finanças empresariais. Sabe onde é gasto todo o dinheiro do seu negócio? Em que altura é gasto? Com que finalidade? Deve responder a estas e outras questões, para perceber se não está a gastar demasiado dinheiro e por onde pode começar a poupar, e orientar cada vez melhor o seu negócio, ficando com tempo para o que verdadeiramente precisa, que é obter lucro.

4 – Utilize um software adequado ao seu negócio

Pode ajudá-lo a otimizar tempo e dinheiro, e existem soluções à medida dos clientes que podem fazer a diferença no controlo financeiro do seu negócio. Desta forma, pode controlar mais diretamente todos os gastos e ganhos que a empresa tem, pegar no presente e planear o futuro. Tenha um verdadeiro controlo da sua vida financeira.

Torna-se cada vez mais importante as PME’s trazerem resultados financeiros favoráveis. Ou seja, não chega só trabalharmos muito e esperar que os resultados apareçam, é necessário planear, organizar, acompanhar a situação financeira de forma eficiente e definir estratégias para potenciar o crescimento do negócio.

Que este ano de 2021 seja um ano de recuperação, mas também de mudanças positivas, para que as empresas se possam destacar rapidamente no mercado.

Um bom ano!