Home / CARREIRAS / PHC lança Exec Talks para “preparar o futuro”
ideias de gestão planeamento exec talks trabalha em casa 2020 erros de gestão gerir uma pme felicidade melhorar o foco negócios de software gestão para pme produtividade das empresas transformação digital ricardo parreira software de gestão pme magazine
Ricardo Parreira, CEO da PHC (Foto: Divulgação)

PHC lança Exec Talks para “preparar o futuro”

A PME Magazine é media partner das PHC Exec Talks, uma iniciativa da PHC que procura inspirar os decisores, com as novas tendências e as práticas de gestão que têm sido aplicadas com sucesso pelas empresas. Este ano em modo virtual, dadas as restrições devido à pandemia. Em entrevista à PME Magazine, Ricardo Parreira, CEO da PHC, fala sobre o que os decisores empresariais encontrarão nestas sessões.

PME Magazine – No atual contexto em que vivemos, o que é que os decisores devem ter em conta para continuarem a ter negócios de sucesso?

Ricardo Parreira – O principal ponto é o de adaptação. Essa é a derradeira vantagem competitiva e que está bem patente, por exemplo, nas empresas que melhor reagiram aos dois meses de isolamento social da crise de Covid-19. Empresas que rapidamente se adaptaram ao teletrabalho porque tinham as ferramentas certas, que adaptaram rapidamente o negócio para venda online, ou que criaram um serviço de entregas para continuarem a servir os seus clientes – todos estes exemplos são a prova de que a adaptação é determinante. A questão é que a adaptação não existe, no mundo empresarial, por decreto; requer ter a tecnologia adequada para responder à mudança, requer uma mentalidade ágil e também a implementação de boas práticas de gestão. É deste último ponto que esta minissérie de gestão trata e que vem trazer um conjunto de conhecimento, que os decisores das empresas podem começar a implementar rapidamente em qualquer negócio ou empresa.

PME Mag. – Quais são as principais tendências a que devem estar atentos?

R. P. – Identificámos nove grandes tendências de gestão que estão representadas nas Exec Talks. Vão desde o e-commerce, as vendas data-driven, a retenção de talento ou o futuro do trabalho. Em todas elas há um denominador comum: só é possível gerir uma empresa de forma competitiva se soubermos usar o upgrade tecnológico. O acesso a informação, a capacidade de colaboração ou a automatização de processos numa empresa começa a ser imperativa. Sem tecnologia não é possível gerir uma empresa de forma competitiva.

PME Mag. – Se tivesse de escolher apenas uma, qual seria?

R. P. – Diria que o planeamento do governance empresarial é talvez o que necessita de maior atenção. Primeiro, porque toca em todas as áreas da empresa. Sem um bom governance, não é possível gerir as outras áreas com a eficácia que as empresas precisam. Depois, porque é aquilo que nos permite gerir o tempo para tratar das tarefas que são realmente importantes, mas que muitas vezes não têm o carácter de urgência. Sem uma boa metodologia nesta área, não é possível ter o tempo reservado para vermos mais à frente e tomarmos as melhores decisões. Este é uma tendência que vejo que irá crescer nos próximos tempos, pois no mundo acelerado em que vivemos, as empresas necessitam de gerir o tempo de forma a tratarem tanto do que é urgente, como daquilo que, não sendo urgente, é muito importante.

PME Mag. – O confinamento levou muitas pessoas para casa. Como manter a motivação das equipas e também dos gestores de topo?

R. P. – A palavra-chave é “comunicação”. É preciso comunicar de forma mais frequentemente, não só com reuniões formais, mas também com conversas informais e momentos de descontração à distância. É isso que temos feito na PHC e que tem tido resultados incríveis na forma como as nossas equipas têm reagido e têm mantido os níveis de motivação e produtividade. As equipas têm reuniões de alinhamento diárias obrigatórias, passámos a ter reuniões globais para toda a empresa em que qualquer pessoa pode colocar questões à administração, temos diversos momentos lúdicos feitos por colaboradores e que ajudam a estarmos juntos (desde ginástica, a workshops ou concertos), e também temos conversas informais com todos para averiguar o seu estado de espírito e perceber se existem questões que poderemos tratar. O ponto principal é manter o diálogo, ser transparente e mostrar que nos preocupamos. Isto tudo, com liderança treinada e preparada para gerir as equipas.

PME Mag. – O que é que as pessoas poderão retirar desta edição das Exec Talks?

R. P. – Esta edição das PHC Exec Talks toca nalgumas das principais tendências que uma PME necessita de trabalhar para se manter competitiva. Mas, acima de tudo, têm um carácter prático e trazem um conjunto de ideias de gestão que as empresas portuguesas podem implementar com facilidade. Quem vir as PH Exec Talks ficará, certamente, com maior conhecimento de gestão e melhor preparado para gerir a sua empresa com sucesso.

PME Mag. – Quando podemos esperar por melhores dias?

R. P. – Não sabemos quando esta crise de Covid-19 irá passar, mas sabemos que irá passar. Isso é certo. Mais do que quando teremos melhor dias, deveremos perguntar “o que podemos fazer hoje para estarmos mais fortes no futuro?”. Essa é a principal questão que os gestores devem de endereçar, garantindo a sobrevivência dos negócios, mas preparando já o futuro. Quem se preparar hoje, terá uma grande vantagem competitiva no momento em que a remota chegar.